segunda-feira, 8 de agosto de 2016

Ψ Leve a Sua Criança Interior Para Um Passeio

*Sob as aparências exteriores de cada adulto, ainda há uma inocência infantil - a essência interior pura, uma luz interior. 

*Sua natureza mais íntima é livre de culpa, e sempre espiritualmente digna.

*Leve sua criança interior para um passeio. 

*Se você quer amar, seja gentil e amoroso com você mesmo. Seja modesto o suficiente para amar a si mesmo.

*Assim deixe brilhar a sua luz interior e nada vai ficar no seu caminho de romance e outras conexões  profundas. 

*Seja natural e despretensioso por reconectar-se com a sua pureza inocente, que você irá se conectar com um novo amor ou novas amizades.

*Remova definitivamente velhas feridas. O seu eu mais profundo e mais natural não é o culpado por por tanto sofrimento autoimposto ou vindo de outras fontes. 


*Lutas nos relacionamentos ocorrem por você reativar consciente ou inconscientemente as velhas feridas.

*Faça da sua mente uma tela em branco, deixando que as coisas surjam naturalmente.

*Se conservarmos a mente aberta e livre, como se fosse uma tela em branco, conseguiremos obter uma perspectiva cósmica e compreender a natureza do bem e do mal.  

*Seja Inocente como um jardineiro na primavera, ele não precisa ajudar a flor a crescer ela floresce naturalmente. O jardineiro  já fez a sua parte agora sem esforço ele admira sua obra.

*Inocência ... assim como nos  sonhos, é importante voar e parar na porta da percepção, sem julgamento ou apego a um resultado.

*A inocência em sua essência é uma força poderosa para criar o que se quer, por isso deve ser tratada com respeito. Com inocência deixamos caminho livre para o que é genuíno, inesperado, espontâneo.

*Permanecer em contato com esta essência é o que vai trazer quem você ama.

*Inocência pede-lhe para manter a mente aberta para que o criativo possa levá-lo em direção a um ambiente que é benéfico para você.


*Esteja presente. Fique atento. Cada interação que compreende um relacionamento é o seu próprio destino. 

*Honre a pessoa que está compartilhando o momento com você.

*Coloque sua atenção total nesta pessoa. O amor é feito para a partilha. 

*Não lute. Abaixe suas armas. Se uma pessoa especial julga você, isso é só a opinião dela. E as pessoas mudam de opinião de acordo com suas expectativas.

*Mas você não está  no mundo para preencher tantas expectativas. 

*Como refere a Gestalt: "Eu sou eu, você é  você,  não estou neste mundo pra preencher as suas expectativas, nem você as minhas ... Se por acaso nos encontrarmos vai ser lindo, do contrário,  não  há nada a fazer."

*Ninguém perde o que verdadeiramente lhe pertence, nem mesmo se o joga fora. Assim, não é necessário que se angustie.

*Deve cuidar somente de permanecer fiel à sua própria essência, e não dar ouvidos a outros. Não dê ouvidos a boatos. Não fique preocupado. 

*Mude a sua atenção para o que já é perfeito: O seu verdadeiro eu é puro ouro. Não se deixe desmoronar por opiniões alheias.

*Problemas dissolvem quando não estão travados. 

*A inocência está isenta de idéias preconcebidas ou antecipações sobre o que virá adiante. Isso causa ansiedade a não deixa você viver plenamente o momento presente.

*Perdemos a inocência quando olhamos para trás, para frente, para os lados. 

*Quando fazemos isso, estamos tentando nos proteger de possíveis resultados negativos ou queremos nos congratular com o sucesso obtido ou ainda nos compararmos com os outros.

*Quando a dúvida surge, devemos nos retirar para um estado mental "Vazio" e dispersar as energias negativas presentes.

*Para manter a inocência devemos permitir que as mudanças aconteçam. 

*Uma vez que não possuímos mais a inocência natural da infância, precisamos nos empenhar em manter uma espécie de inocência consciente. 

*Quando todas as estradas parecem bloqueadas, podemos ver a saida. No auge da tempestade, podemos nos lembrar do arco-íris. Tudo depende de nossa mente aberta, e do pensamento positivo. 

*Se, no entanto, ficarmos presos a idéias preconcebidas e defesas ultrapassadas, nossas reações criativas e inocentes não surgirão. 

*Ser inocente é ser puro de coração. É  bom lembrar: "Somente os puros herdarão o reino do céu."

*Ou seja, é preciso tentar manter essa pureza, evitando empregar métodos errados para alcançar nossos objetivos. Pois o reino do céu  é manter o nosso coração em paz.

Fonte: Wu Fang; I Ching
Ψ Fatima Vieira - Psicóloga Clinica 

2 comentários:

Guara GLP disse...

Um belo texto para refletir...
um abraço

psique disse...

Olá Guara GLP agradeço sua visita beijos... Fátima Vieira